Onda Sul FM

Campanha de vacinação contra a gripe começa no próximo dia 23

Em nota, Santa Casa desmente boatos sobre epidemia de gripe, do subtipo H3N2, em Juiz de Fora

Em consonância com a Campanha Nacional de Vacinação, a Secretaria de Saúde de Juiz de Fora iniciará as ações de vacinação contra a gripe em 23 de abril.

Em 2018, o município registrou um caso de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) em decorrência de contaminação pelo vírus Influenza B. Segundo o informe epidemiológico da gripe divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES), além de Juiz de Fora, Belo Horizonte (4 casos), Lagoa Santa (1 caso), Uberlândia (1 caso) e Varginha (1 caso) registraram casos da síndrome relacionados ao vírus Influenza. Junto à Síndrome Gripal, a SRAG é uma das principais consequências da contaminação pelo vírus.

Conforme boletim epidemiológico, 221 casos de SRAG foram notificados no estado, mas apenas 130 tiveram amostra coletada e processada. Deste total, oito registros foram classificados como SRAG causada pelo vírus Influenza: seis foram causados em decorrência de Influenza A – Belo Horizonte, Uberlândia e Varginha -; dois por Influenza B – Lagoa Santa e Juiz de Fora. As ocorrências não resultaram em mortes.

O vírus Influenza A é classificado em subtipos, como o H1N1, H1 e H3N2, e todos os casos notificados de Influenza A em Minas Gerais até o momento foram verificados como H3N2. Em 2017, a SES registrou 213 casos relacionados à SRAG em decorrência de contaminação pelo H3N2, sendo 33 óbitos. Circulando de forma intensa durante o último ano, o gênero viral superou os registros do Influenza B e dos demais subtipos do A.

O número total de notificações ocasionadas pela contaminação de Influenza chegou a 300, somando 50 mortes.

 

(foto/reprodução)

 

 

 

 

 

 

Via TribunadeMinas

 

 

Faça seu comentário usando o Facebook
© 1999-2018 ONDA SUL - A RÁDIO DO SUL DE MINAS. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS / IA EMPRESA