Onda Sul FM

Gripe já causou 36 mortes em Minas Gerais em 2018

Balanço da Secretaria de Saúde do estado mostra que 152 pacientes desenvolveram sintomas graves da doença. Vacina ainda está disponível.

A contaminação por Influenza, vírus causador da gripe, já matou 36 pessoas em Minas Gerais neste ano. O balanço foi divulgado hoje pela Secretaria de Estado de Saúde (SES). Outros 152 pacientes desenvolveram a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG).

De janeiro a 25 de junho de 2018, foram notificados 1.441 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave. Destes, 799 tiveram amostras coletadas e processadas.

Além das 152 pessoas contaminadas pela Influenza, outras 114 casos foram classificados como SRAG por outros vírus.

Conforme a Secretaria, dos casos associados à Influenza, 147 eram de Influenza A e seis de Influenza B. Dos pacientes contaminados pelo Influenza A, “60 foram de Influenza A/H3 Sazonal; 54 de Influenza A não subtipado, 32 de Influenza A/(HINI)pdm09; e 6 Influenza B”, explica a SES.

A campanha de vacinação em Minas Gerais terminou na última sexta-feira, dia 22, e bateu a meta de imunização de 90%. No entanto, crianças e gestantes, que integram o grupo de risco, são as que menos se vacinaram. Segundo a SES, a cobertura vacinal está entre 75% e 76%, respectivamente.

As vacinas vão continuar disponíveis em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) do estado, com prioridade para a população que está inserida no público-alvo.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Via EM
Faça seu comentário usando o Facebook
© 1999-2018 ONDA SUL - A RÁDIO DO SUL DE MINAS. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS / IA EMPRESA
WhatsApp chat