Onda Sul FM

Jovem de Alpinópolis é a primeira mecânica de manutenção da Usina Jupiá

Avalie esta postagem

Jovem alpinopolense é a primeira mulher a atuar como técnica de manutenção mecânica da usina hidrelétrica

Em um momento em que as discussões sobre gênero estão em forte evidência, a alpinopolense Geicielle Aparecida Vaz não se intimida diante do preconceito. Aos 24 anos, a primeira mulher a atuar como técnica de manutenção mecânica da usina hidrelétrica de Jupiá – uma das principais usinas brasileiras operada pela CTG Brasil, localizada no Rio Paraná, entre as cidades de Andradina e Castilho (SP) e Três Lagoas (MS) – escolheu um espaço profissional predominantemente masculino no setor elétrico.

Disputar o atual cargo com um grupo formado por homens e conquistar a única vaga é uma vitória que contribuiu para reduzir as fronteiras profissionais entre mulheres e homens.

Quando fui selecionada fiquei muito feliz por saber que a empresa em que eu trabalho, a CTG Brasil, não vê o gênero e seleciona quem está mais preparado”, comenta. Sobre o trabalho com a equipe masculina, ela é enfática: “Não sofro nenhum tipo de discriminação. Pelo contrário, todos fazem questão de me ensinar, tirar minhas dúvidas, me incentivar”.

De acordo com a diretora de Recursos Humanos da CTG Brasil, Geisa Angeli, essa atitude da equipe está alinhada com a postura corporativa de equidade entre os gêneros.

Temos mulheres em todos os níveis hierárquicos. Estamos interessados em reconhecer e desenvolver talentos, independentemente de gênero, e em trazer a diversidade criativa para dentro da empresa”, expõe.

(Foto/Ferdinando Ramos)

 

 

 

 

 

 

 

via tribunaalpina
Faça seu comentário usando o Facebook
© 1999-2019 ONDA SUL - A RÁDIO DO SUL DE MINAS. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS / IA EMPRESA
WhatsApp chat