Onda Sul FM

Operação do MP em Três Pontas prende secretários e funcionários da prefeitura

Foram cumpridos pelo Ministério Público cinco mandados de prisão temporária e 16 de busca e apreensão na “Operação Trem Fantasma”.

A “Operação Trem Fantasma”, deflagrada na manhã desta terça-feira pelo Ministério Público prendeu dois secretários municipais e três funcionários da Prefeitura de Três Pontas. A operação apura fraudes em contratos para compra de peças e combustíveis na prefeitura.

Entre os presos estão o secretário de Meio Ambiente, José Girleno Marinho e o secretário de Fazenda, Roberto Barros. Também foram detidos três funcionários da prefeitura. Todos foram levados para a sede da Polícia Civil em Três Pontas. Eles foram ouvidos e depois encaminhados para o presídio da cidade.

Ao todo, foram cumpridos 16 mandados de busca e apreensão e 5 de prisão temporária. Além dos trabalhos na prefeitura pelo MP, a Receita Estadual fez buscas simultâneas em empresas fornecedoras.

As investigações apontaram que mesmo veículos fora de uso recebiam formalmente peças e combustíveis em 2017 e 2018. Segundo o Ministério Público, foram identificadas alterações de dados no sistema. Informações de testemunhas levaram às prisões temporárias cumpridas nesta terça.

A operação foi executada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado do Ministério Público, pelo núcleo de Varginha (MG), com apoio da 3ª Promotoria de Justiça da Comarca de Três Pontas. Participaram dos trabalhos 37 policiais militares, 12 fiscais da Receita Estadual, oito promotores de Justiça, sete servidores do Ministério Público e um policial civil.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Via G1/Suldeminas
Faça seu comentário usando o Facebook
© 1999-2018 ONDA SUL - A RÁDIO DO SUL DE MINAS. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS / IA EMPRESA
WhatsApp chat