Onda Sul FM
Bloco Vermes

Policial escrivão é condenado a mais de 2 anos de prisão por homicídio

Condenação foi anunciada após realização de júri popular no Fórum de Poços de Caldas

O policial civil Thiago Galvão Bernardes foi condenado a 2 anos 2 meses de prisão após um juri popular realizado durante toda a quinta-feira, 19, no Fórum de Poços de Caldas. Thiago respondia por homicídio cometido em 2016.

Depois de um dia de julgamento, os jurados entenderam que o policial não teve intenção de matar. A pena foi atribuída pelo juiz Robson Luiz Rosa Lima e inclui 1 ano, 6 meses e 20 dias por homicídio e 6 meses e 22 dias por fraude processual já que teria alterado a cena do crime para dificultar as investigações.

Por já ter cumprido a maior parte da pena, foi expedido um alvará de soltura e Thiago ficará em liberdade.

O CASO – Thiago era acusado de matar Yuri Antônio Gonçalves Vilas Boas em maio de 2016. Autor e vítima teriam se encontrado em uma bar em Poços de Caldas e, após o fechamento do estabelecimento, seguido para o apartamento de uma testemunha. No local, o policial teria sacado a arma e, sem motivos, disparado contra Yuri. Ele foi encontrado ainda na cena do crime com sinais de embriaguez.

Via portaldacidade
Faça seu comentário usando o Facebook
© 1999-2018 ONDA SUL - A RÁDIO DO SUL DE MINAS. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS / IA EMPRESA
WhatsApp chat