Onda Sul FM

Prefeitura de Passos inicia plano de contingência contra dengue

Com um decreto publicado na terça-feira (08), a prefeitura de Passos deu início ao plano contigência contra dengue. A ação pretende evitar o mesmo cenário de epidemia ocorrido em 2014.

Em 2014, a epidemia que assolou a cidade deixou um saldo de mais 1,5 mil casos e oito mortes. Apenas no início deste ano os casos notificados já ultrapassaram 70. Ainda, um homem de 72 anos morreu em decorrência da dengue no ínicio de 2019.

O aumento de enfermeiros e médicos na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) está entre as medidas. Como explicou o prefeito Carlos Renato Lima Reis, a população também precisa ajudar mantendo as casas limpas. Proprietários de vários lotes já foram notificados por apresentarem problemas.

Ainda conforme o prefeito, o setor de zoonoses já começou a fazer levantamento das áreas de maior risco. Os mutirões e utilização do fumacê foram reforçados.

A aplicação das medidas já iniciaram na terça-feira e devem durar pelo menos 20 dias.

Setor opera com falta de recursos

Com risco de sofrer uma nova epidemia de dengue, o setor de zoonoses opera com falta de recursos e materiais em Passos (MG).

Em 2018, a prefeitura fez um investimento de R$ 200 mil no setor, mas o dinheiro não foi suficiente para melhorar as condições no local. Funcionários trabalham em um laboratório improvisado e as análises são feitas ao lado da cozinha, apenas 5 dos 11 carros são usados e duas das 7 bombas de fumacê funcionam. Segundo o coordenador do local, ainda faltam profissionais e condições básicas para que os agentes trabalhem.

Faça seu comentário usando o Facebook
© 1999-2019 ONDA SUL - A RÁDIO DO SUL DE MINAS. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS / IA EMPRESA
WhatsApp chat