Onda Sul FM

Acompanhe os primeiros desdobramentos do acidente em parque itinerante no Sul de Minas

No último fim de semana, um acidente envolvendo uma atração de um parque itinerante em São Gonçalo do Sapucaí deixou três feridos, sendo dois deles crianças de 12 e 10 anos e a outra vítima uma mulher. 

Sendo assim, a mulher envolvida no acidente acredita que houve falha no sistema de freios da atração conhecida como “barco viking”. De acordo com a estudante Larissa Ramos Brandão, a queda de um dos meninos aconteceu após um forte estrondo. “Juntou uns 10 rapazes mais ou menos pra conseguir parar a barca ‘no braço’”, disse Larissa.

Foto: Reprodução/Devanir Gino

A Polícia Militar suspeita, a princípio, que uma das crianças tentou se levantar e, quando se desequilibrou, acabou segurando a outra criança. Mas, quem aponta o real motivo do acidente é a perícia. Já o setor de fiscalização da Prefeitura de São Gonçalo do Sapucaí, esteve no parque ainda no domingo (9), sendo a área toda isolada. E, de acordo com um procurador do município, todos os laudos do parque foram entregues, por isso o alvará estava regular.

Por fim, um engenheiro do Conselho Regional de Engenharia (Crea) também esteve no local na última segunda-feira (10), onde conversou com os funcionários, fez fotos dos brinquedos e anotações. Sendo assim, todas as informações recolhidas serão levadas ao Crea para ser realizado um laudo. O parque é da cidade de Itapeva (SP) e o proprietário do local já repassou todas as informações a perícia, que vai apurar as causas do acidente.

Foto: Reprodução/Devanir Gino

Atualização sobre o caso: 

 

Faça seu comentário usando o Facebook
© 1999-2019 ONDA SUL - A RÁDIO DO SUL DE MINAS. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS / IA EMPRESA
WhatsApp chat