Agenda cultural oferecida gratuitamente pela Cemig reúne várias formas de arte no fim de semana

Compartilhar

Para fechar o mês de setembro contemplando todas as formas de arte, a Cemig, maior patrocinadora da cultura de Minas Gerais, em parceria com a Secretaria de Estado de Cultura e Turismo, oferece atrações culturais gratuitas imperdíveis nesse fim de semana.

As atrações podem ser acessadas na página da Cemig no Facebook http://facebook.com/events/627956928089347/

Confira a programação:

Dia 25/09 – sexta-feira

Éramos em Bando, um filme do grupo Galpão

Um dos maiores grupos de teatro do Brasil lança sua primeira experiência artística no ambiente virtual. Impedido de estrear seu 25º espetáculo por causa da pandemia, o grupo fez um trabalho de resistência poética estrelando suas atrizes e atores.

Dia 26/09 – sábado

Uma Viagem ao Universo das Aráceas: nova exposição on-line do Inhotim

Muito presentes no movimento #UrbanJungle, as aráceas são uma família botânica essencial na composição de jardins tropicais. O paisagista Pedro Nehring mergulhou nessa variedade para compor a identidade de Inhotim, e agora você pode se sentir dentro do parque novamente. Na exposição on-line “Entre Folhas e Formas: Uma Viagem ao Universo das Aráceas”, você pode conferir a diversidade das plantas que compõem o instituto, além das fascinantes histórias por trás delas.

CURA2020: Festival de Arte Urbana

O CURA é o primeiro festival de pintura em empenas de Belo Horizonte. Em três edições, eles realizaram pinturas em 10 prédios e 3 muros da cidade, transformando a rua Sapucaí no primeiro mirante de arte urbana do mundo. Confira detalhes das quatro novas empenas que estão sendo pintadas, além das duas intervenções que vão ocorrer no centro da cidade.

27/09 – domingo

Primavera com a Orquestra Sinfônica de Minas Gerais

Para celebrar o início da nova estação, os músicos da Orquestra Sinfônica de Minas Gerais interpretam o primeiro movimento d’As Quatro Estações, Concerto para Violino e Orquestra, de Vivaldi – A Primavera.

*Todas as atrações culturais foram gravadas antes do período da pandemia ou estão seguindo as orientações da OMS.

Faça seu comentário usando o Facebook