Agentes de saúde de Carmo pedem por mais respeito na barreira sanitária

Compartilhar

Diante das inúmeras ocorrências de desrespeito na barreira sanitária no trevo de Carmo do Rio Claro, inclusive por carmelitanos, os agentes comunitários de saúde pedem a colaboração da população para que o trabalho deles continue tendo bons resultados.

Representando todos os profissionais que trabalham 24 horas no local, Flaviane Lopes, Agente Comunitária de Saúde do ESF da Rua Nova, pede a compreensão e ajuda de todos. “Não ajudem as pessoas de outras cidades a entrar na nossa”, disse Flaviane.

Infelizmente é comum ver pessoas de Carmo do Rio Claro ajudando pessoas de outros municípios que não se enquadram no decreto a entrarem na cidade, seja com o fornecimento de um comprovante de residência ou até mesmo indo buscá-los próximo do trevo.

Faça seu comentário usando o Facebook