Anvisa autoriza retomada do estudo da vacina CoronaVac no Brasil

Compartilhar

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou na manhã desta quarta-feira (11) o retorno dos estudos da CoronaVac. O estudo do imunizante desenvolvido contra o novo coronavírus havia sido interrompido no início da semana por causa de um “evento adverso grave”. No entanto, descobriu-se que a morte do participante do estudo não teve relação com a vacina e foi suicídio.

Ao autorizar a volta da pesquisa, a Anvisa destacou que cumpriu protocolos para garantir a segurança dos candidatos. “Após avaliar os novos dados apresentados pelo patrocinador depois da suspensão do estudo, a ANVISA entende que tem subsídios suficientes para permitir a retomada da vacinação”, informou em nota.

Em Minas Gerais, o estudo da CoronaVac é conduzido pela UFMG.

Fonte: O Tempo

Faça seu comentário usando o Facebook