Após casos de Covid-19 dobrarem, Campos Gerais adota medidas restritivas no comércio

Compartilhar

A Prefeitura de Campos Gerais publicou novo decreto nesta quarta-feira (24) com medidas restritivas ao comércio. A medida foi adotada pela administração municipal após ver o número de contaminações por Covid-19 mais do que dobrar em apenas quatro dias: de 21 casos no domingo (21) para 43 no boletim divulgado na terça-feira (23).

Dentre os casos que fizeram com que a quantidade de contaminações saltasse, estão os de um asilo da cidade, que teve sete idosos e dois funcionários infectados pelo novo coronavírus esta semana.

Com as contaminações aumentando, a prefeitura decidiu restringir o funcionamento do comércio em diversos setores. Alguns segmentos só podem funcionar no formato delivery, enquanto outros precisarão monitorar a entrada de clientes e adotar medidas de higienização e distanciamento.

No novo decreto, a prefeitura tem ponto específico para a realização de festas. De acordo com a administração municipal, estes eventos de cunho particular, com pessoas não residentes no mesmo imóvel, ficam proibidas. Caso sejam realizadas, a prefeitura destaca que o proprietário/responsável pelo imóvel estará sujeito às sanções previstas nas legislações pertinentes.

Confira alguns dos setores que sofreram alteração de funcionamento na cidade com o novo decreto:

Supermercados – das 9h às 19h com acesso controlado. Entrada monitorada por um funcionário que aplicará álcool em gel 70% nos clientes e vai controlar a liberação de uma pessoa a cada 25 metros quadrados por vez. Fila com marcação de dois metros de distância;

Panificadoras – das 5h30 às 19h com acesso controlado. Entrada monitorada por um funcionário que aplicará álcool em gel 70% nos clientes e vai controlar a liberação de uma pessoa a cada 16 metros quadrados por vez. Fila com marcação de dois metros de distância;

Bancos, correspondentes bancários e lotéricas – funcionamento normal, mas com entrada monitorada por um funcionário que aplicará álcool em gel 70% nos clientes e vai controlar a liberação de uma pessoa a cada 16 metros quadrados por vez. Fila com marcação de dois metros de distância;

Farmácias – funcionamento em horário normal, de preferência com portas fechadas e segmento delivery. Exceções emergenciais poderão ser atendidas, limitadas a uma pessoa a cada 16 metros quadrados por vez dentro do estabelecimento, com entrada controlada por um funcionário aplicando álcool em gel 70% nos clientes. Fila com marcação de dois metros de distância;

Açougues, hortifrúti e depósitos de gás e água – funcionamento das 9h às 19h, com portas fechadas e apenas no segmento delivery;

Mecânicas, lojas de peças de automotores e estabelecimentos de insumos agrícolas – funcionamento em horário normal, com portas fechadas e apenas no segmento delivery.

Lojas de materiais de construção, elétrica e hidráulica – funcionamento das 9h às 19h com portas fechadas e apenas segmento delivery;

Lojas e clínicas veterinárias – funcionamento das 9h às 19h com portas fechadas e segmento delivery na venda de produtos e rações. Atendimento emergencial para animais liberado;

Clínicas médicas e laboratórios – ficarão para atendimento emergenciais;

Borracharias – funcionarão em horário normal, não permitindo a aglomeração dos clientes à espera;

Postos de combustíveis – funcionarão em horário normal, não permitindo que os clientes desçam dos veículos.

De acordo com boletim epidemiológico da Prefeitura de Campos Gerais, a cidade contabiliza, até o momento, 43 casos positivos para o novo coronavírus.

 

Fonte: G1 / Foto: Prefeitura de Campos Gerais

Faça seu comentário usando o Facebook

One thought on “Após casos de Covid-19 dobrarem, Campos Gerais adota medidas restritivas no comércio

Comments are closed.