Carne suína: ABPA investiga suspeita de contaminação de embalagens na China

Compartilhar

Autoridades do distrito de Wendeng alegam ter encontrado traços da Covid-19 em pacotes de produtos importados do Brasil; associação acredita que contaminação pode ter ocorrido no transporte

O governo do distrito de Wendeng, na China, alega ter encontrado traços do novo coronavírus em pacotes de um lote de carne suína congelada importados do Brasil, segundo a Reuters.

Apesar de o Ministério da Agricultura do Brasil ainda não ter sido comunicado oficialmente, a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) divulgou uma nota e diz estar em contato com as autoridades brasileiras para “apoiar o levantamento de informações sobre a ocorrência”.

A ABPA destaca que os traços da Covid-19 foram encontrados nas embalagens e não na carne. ”O que indica que a contaminação deve ter ocorrido fora da unidade produtora – por exemplo, em uma das várias etapas de transporte até a chegada ao destino”, diz.

A associação lembra que não há evidências científicas de que a carne seja transmissora do vírus, conforme ressaltam a Organização Mundial da Saúde (OMS), a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação (FAO), a Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

 

 

Fonte; Canal Rural 

 

Faça seu comentário usando o Facebook
PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com