Catadores da reciclagem acham 40 mil e devolvem ao dono em Cássia

Compartilhar
A pandemia do novo coronavírus mudou a realidade financeira de muitas pessoas, muitos acabaram demitidos, outros tiveram salários reduzidos. A renda familiar foi fortemente impactada, mas nada impediu que os catadores de materiais recicláveis, devolvesse ao dono uma quantia alta em dinheiro encontrado no lixo
Na última semana, quatro catadores de recicláveis deram um show de honestidade em Cássia após acharem um envelope com R$40 mil e devolverem ao dono.
Funcionários de uma empresa de reciclagem (Ferro Velho do Juninho) estavam como de costume recolhendo materiais recicláveis na cidade e após recolherem em alguns estabelecimentos comerciais, eles retornaram para o ferro velho localizado na Av, Ildefonso Del Bianco, ao fazer reciclagem do material que haviam recolhido, o catador Carlos dos Reis Silva, percebeu que tinha um envelope dentro de uma caixa de papelão, ao abrir o envelope Carlos viu o dinheiro mas achou que era de brincadeira e ainda brincou com os companheiros , “Quem quer dinheiro” disse .
Mas depois de fazer toda a separação dos materiais, eles pegaram novamente o envelope e perceberam que era dinheiro de verdade e teriam que devolver.
Juninho foi chamado e constatou que o dinheiro era de verdade, enquanto Carlos e seu companheiro Danilo (Não está na foto) ficaram no local trabalhando, Juninho e José Luiz foram até o estabelecimento comercial de onde foi recolhido os materiais para devolver o dinheiro.
Segundo Juninho, o dono do estabelecimento já estava desesperado a procura do envelope com R$ 40 mil reais, mas não soube explicar como ele foi parar no lixo.
A honestidade dos catadores não parou por ai, eles foram gratificados com R$1.000,00 para dividirem entre os quatro, mas eles queriam dividir com o dono do ferro velho, que recusou, e a gratificação acabou ficando para os três funcionários da empresa.
O comerciante não quis que citasse o nome do estabelecimento na matéria
Fonte: Passos Online
Edição/Foto: Claudinho CP Notícias
Faça seu comentário usando o Facebook