Cidades do Sul de Minas vão avançar para Onda Vermelha

Compartilhar
O governador Romeu Zema (Novo) confirmou na manhã desta quinta-feira (15) que a Macrorregião Sul de Saúde, onde estão a maior parte dos municípios do Sul de Minas, vão avançar para a onda vermelha do Plano Minas Consciente.
Segundo o secretário de Saúde, Fábio Baccheretti, o avanço para a onda vermelha se deve à melhora de índices de incidência de novos casos de Covid-19 e queda de internações.
O secretário de Saúde afirmou ainda que os cuidados devem ser mantidos para que não seja necessário o retorno para a onda roxa. Ainda conforme o novo secretário, uma nova remessa de medicamentos deverá chegar até o fim desta semana para que sejam repassados aos hospitais, que nos últimos dias, sofreram com a falta de estoque.
Onda roxa e menor incidência de casos
A onda roxa foi implementada no dia 17 de março no Sul de Minas e completaria um mês no próximo sábado (17).
Conforme estudo divulgado pela Unifal-MG, desde a semana passada, há tendência de diminuição de novos casos da doença em todas as regionais de saúde. Mas, a mortalidade, embora estável, continua alta, reflexo da alta de casos das semanas anteriores. Efeitos positivos sobre internações e óbitos só devem ser observados dentro de uma a duas semanas.
Fonte: Folha Regional
Faça seu comentário usando o Facebook
PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com