Condutor encalha embarcação no lago de Furnas para evitar naufrágio

Compartilhar
Para evitar o naufrágio de uma embarcação escuna de madeira de 17 metros de comprimento no lago de Furnas na manhã do sábado (05) em Capitólio, o condutor decidiu encalhar propositalmente o barco.
Segundo informações da Marinha do Brasil, no momento do acidente haviam quatro pessoas a bordo. A escuna saiu com destino a um flutuante quando os tripulantes perceberam um alagamento.
A equipe de Inspeção Naval da Delegacia Fluvial de Furnas da Marinha do Brasil chegou ao local no início da tarde e verificou a documentação da embarcação e dos tripulantes e todas estavam em situação regular.
Ainda de acordo com a Del. Furnas, o barco continua no local e não há risco de poluição hídrica. Será instaurado Inquérito Administrativo sobre Acidentes e fatos da Navegação para apurar as causas e responsabilidades do acidente.
A Delegacia Fluvial de Furnas acompanhará as ações necessárias para a reflutuação e remoção da embarcação do local, de responsabilidade de seu proprietário.
A Marinha do Brasil reitera que atua diuturnamente em prol da Segurança da Navegação, Salvaguarda da Vida Humana e prevenção à poluição causada por embarcações e suas plataformas de apoio no mar e nas águas interiores.
Cabe destacar que a Marinha incentiva e considera importante a participação da comunidade, que pode ser feita pelos telefoenes 185 (número para emergências marítimas e pedidos de auxílio) e (35) 3197-9890 (para outros assuntos, inclusive denúncias). Também estão disponíveis o email delfurnas.secom@marinha.mil.br e o aplicativo “Praia Segura”, que pode ser baixado gratuitamente em aparelhos celulares Android e iOS.
Fonte e Fotos: Delegacia Fluvial de Furnas/ Jornal Folha Regional/104 FM
Faça seu comentário usando o Facebook