Corpo de estudante mineiro é encontrado carbonizado em seu carro no Paraguai

Compartilhar

Vítima era de Uberaba e estava cursando medicina em universidade de Assunção

A Polícia de Assunção, capital do Paraguai, investiga a morte do estudante de medicina mineiro Paulo Rezende Vilela Neto, de Uberaba, que morreu carbonizado no porta-malas de seu carro. O corpo foi encontrado na madrugada de domingo (15), no entanto, somente foi identificado nessa terça-feira (17).

Paulo vivia no Paraguai há cerca de 10 anos. Foi atrás de seu sonho: tornar-se médico. Estava no sétimo período de medicina e, para viver no país vizinho, tinha de se virar, por isso trabalhava como motorista de aplicativo.
A maioria dos clientes de Paulo era formada por estudantes brasileiros. Os colegas contam que ele era muito trabalhador e não tinha hora para trabalhar. Tinha muitos amigos e, segundo contam, era muito amável e querido por todos. Em Assunção, segundo os estudantes brasileiros, eles são vistos como ‘elite’. Mas segundo testemunhas, Paulo nunca tinha tido problemas com isso.
Os amigos deram falta dele no domingo. Foram até sua casa, tocaram campainha, mas ninguém atendeu a porta. Resolveram, então, dar queixa de desaparecimento junto à polícia local, que deu início, imediatamente, a uma investigação.
Foram até a casa do estudante, mas não encontraram nada suspeito. Ao mesmo tempo, corria paralelamente a investigação sobre o carro encontrado incendiado, com um corpo dentro. Os policiais passaram, então, a trabalhar com a hipótese de o corpo ser do estudante de medicina.
Incêndio foi filmado
No relato da polícia sobre o carro incendiado, existe um vídeo feito por vizinhos ao local, com o veículo pegando fogo e, algumas testemunhas contam que ouviram gritos de socorro, vindo da direção do veículo, que estava na beira de um remanso, que dá no Rio Paraguai.
 Foto; reprodução/ Instagram
Fonte; EM
Faça seu comentário usando o Facebook

One thought on “Corpo de estudante mineiro é encontrado carbonizado em seu carro no Paraguai

Comments are closed.