COVID-19: Minas registra 14 mortes em 24h, e número de óbitos passa de 9,5 mil

Compartilhar

Quatorze mortes entraram para o relatório epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) entre a manhã de segunda-feira (16) e esta terça-feira (17). Agora, são 9.531 as pessoas que morreram em Minas Gerais após serem infectadas pelo novo coronavírus – isto desde o início da pandemia de Covid-19 em março, há cerca de oito meses.

A quantidade de diagnósticos da doença também subiu nas 24 horas transcorridas no período, tendo o Estado registrado mais 1.954 mineiros com o coronavírus no balanço. Com o aumento médio superior a 81 novos casos a cada hora, subiu para 385.427 o número de pessoas que contraíram o coronavírus também nos últimos oito meses.

Sabe-se que em relação à quantidade de casos, há cerca de 20.600 que permanecem sob acompanhamento da Saúde, enquanto os outros mais de 355 mil são considerados recuperados para o vírus – significa que estes pacientes receberam alta hospitalar ou cumpriram isolamento domiciliar por dez dias e estão há 72 horas sem sintomas da doença.

O número de diagnósticos da Covid-19 está espalhado por 852 municípios mineiros. Ou seja, apenas uma cidade mineira – também a única no Brasil – não tem sequer um morador infectado com o novo coronavírus. Trata-se de Cedro do Abaeté, na região da Zona da Mata, cuja população estimada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) está em 1.157 pessoas.

Alerta na capital

Belo Horizonte, por outro lado, é a cidade com maior concentração de diagnósticos de Covid-19 e aproxima-se a cada dia de atingir a marca de 50 mil moradores infectados – hoje, são 49.626. O número de mortos está em 1.568.

Uma preocupação recente é que a taxa de transmissão do novo coronavírus na capital mineira está próxima do nível de alerta vermelho e tornou-se motivo de inquietação para o Comitê de Enfrentamento à Epidemia de Covid-19 da Prefeitura de Belo Horizonte (PBH). O número constatado nessa segunda-feira é o maior desde 30 de junho, o que significa uma aceleração na contaminação entre os moradores.

Óbitos em Minas Gerais

A quantidade de óbitos constatados em Minas Gerais e que aconteceram em decorrência de complicações provocadas pelo novo coronavírus está em 9.531 – este número reflete o número de mortes acumuladas desde o mês de março, quando morreu o primeiro mineiro vítima da Covid-19.

Estes falecimentos aconteceram em 664 municípios, e a taxa de letalidade está em 2,5%. A doença acomete de forma fatal principalmente aqueles que têm mais de 60 anos – representam 79% do número total de óbitos – e portadores de comorbidades anteriores. Mais de 4.500 mineiros que morreram com diagnóstico de Covid-19 sofriam de doenças do coração.

 

Fonte: O Tempo
Faça seu comentário usando o Facebook

One thought on “COVID-19: Minas registra 14 mortes em 24h, e número de óbitos passa de 9,5 mil

Comments are closed.