Cuidados com o “Golpe do Motoboy”

Compartilhar

Um golpe que vem crescendo na região e deve tomar seus devidos cuidados, é o “Golpe do Motoboy”.

Em uma ligação, o golpista se passa como funcionário da agência bancária ou da administradora de cartões, para ganhar a confiança do cliente, muitas vezes informa os dados verdadeiros da pessoa cadastrada em algum banco. Depois de ganhar a atenção do cliente, o golpista afirma que o cartão do banco foi clonado ou que há compras suspeitas, orienta que o cartão deve ser cancelado. Para concluir o cancelamento do cartão, pede para o cliente a digitar alguns dados no telefone, como a senha do cartão, logo em seguida, pede para que o cartão seja cortado ao meio, dizendo que um motoboy vai até o endereço da residência do cliente pegar o cartão quebrado para fazer o descarte.

Com os dados do cliente, a senha e o chip em mãos, os golpistas fazem diversas compras no cartão, gerando prejuízos de milhares de reais.

Caso você desconfie de alguma ligação vinda de qualquer banco, desligue o telefone e retorne para a Central de Atendimento do banco no qual o seu cartão esteja ligado.

Os bancos nunca recolhem cartões bancários, mesmo que não estejam mais sendo utilizados

Caso precise jogar fora um cartão, destrua-o completamente, cortando seu chip ao meio, e nunca o entregue a ninguém.

Foto: Banco do Brasil
Faça seu comentário usando o Facebook
Qual sua reação sobre o post!?
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
Menu
Right Menu Icon