Decreto interdita Praça Getúlio Vargas em Alfenas

Compartilhar

Uma nova medida, determinada pelo prefeito Luiz Antônio da Silva nesta quinta-feira, começa a ser válida a partir desta sexta-feira (10), estabelece a interdição da Praça Getúlio Vargas. O espaço ficará fechado para evitar a pandemia do Covid-19.

A interdição adotada em Alfenas já foi implementada em outras cidades do Sul de Minas. Em Pouso Alegre, o prefeito Rafael Simões (PSDB) também interditou a principal praça da cidade, a Praça Senador José Bento, colocando grades de proteção para que o local não seja ocupado.

A decisão do prefeito de Alfenas é mais uma medida para tentar conter o avanço da pandemia. Casos essas ações não sejam suficientes, o decreto n° 2.545, de 9 de abril de 2020, prevê o fechamento do trânsito das vias que dão acesso a Praça Getúlio Vargas.

Agências bancárias

O decreto também determina normas para as agências bancárias a partir de segunda-feira (13) como o fornecimento de máscaras de proteção para clientes e álcool gel, além de termômetro digital para aferição de febre na entrada do estabelecimento.Outra exigência é em relação ao distanciamento, de 1,5 metro, nas filas.

Transporte coletivo

Para evitar a circulação desnecessária de pessoas do “grupo de risco” ao Covid-19 foi suspensa, por tempo indeterminado, a gratuidade para idosos e portadores de doenças crônicas no transporte coletivo. A exceção é quando esses usuários demonstrarem necessidade urgente ou para tratamento de saúde.

Em outros dois decretos (n° 2.541 e 2.546), também baixados na quinta-feira, a Prefeitura de Alfenas autorizou o funcionamento dos supermercados aos domingos, podendo atender das 8h às 15h.

Fonte: Alfenas Hoje
Faça seu comentário usando o Facebook

One thought on “Decreto interdita Praça Getúlio Vargas em Alfenas

Comments are closed.