Dieese diz que o salário mínimo deveria ser de 4.595,60 em junho

Compartilhar

O salário mínimo para garantir o sustento de uma família de quatro pessoas, com dois adultos e duas crianças, deveria ter sido de R$ 4.595,60 em junho, estima o Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos). O cálculo foi feito a partir do valor da cesta básica em São Paulo, a mais cara do país, que segundo o Dieese custou R$ 547,03 em junho.

A cesta básica paulista ficou 1,68% mais barata na comparação com o mês anterior. Contudo, considerando o acumulado no ano de 2020, os preços dos alimentos subiram 8%. O Dieese calcula o preço dos alimentos em 16 capitais brasileiras. Dessas, 10 cidades, incluindo as três capitais do Sul e as quatro do Sudeste apresentaram redução no custo das cestas básicas.

Nas outras seis cidades pesquisadas, os custos aumentaram em relação a maio. Em junho, uma pessoa precisou trabalhar 99 horas e 36 minutos, em média, para conseguir comprar todos os produtos da cesta básica. O Dieese calculou também que um trabalhador formal que recebe o salário mínimo, após os descontos de 7,5% da Previdência Social, comprometeu 48,94% do salário mínimo líquido para comprar os alimentos básicos necessários para uma pessoa adulta.

 

Fonte: Uol
Faça seu comentário usando o Facebook