Estudo projeta eficácia de medicamentos contra o coronavírus

Compartilhar
Diante da atual pandemia de coronavírus e o esforço para a criação de uma vacina e medicamentos eficientes, um projeto de bioinformática utiliza a computação para identificar remédios utilizados no tratamento de outras doenças que tenham potencial no combate ao coronavírus. O trabalho foi desenvolvido pelo Departamento de Computação e Engenharia Civil do Cefet-MG do campus Varginha, no Sul de Minas.
De acordo com o coordenador do projeto, Hebert Raush, a rede fornece um modelo de probabilidade por meio do qual são estudadas estratégias farmacológicas. “Por exemplo: qual a probabilidade de reduzir a expressão do gene ACE (um gene que está associado à infecção do vírus) ao utilizar 50mg de remdesivir?”, ilustra Hebert.
O Cefet divulgou que, com a evolução de informações sobre o coronavírus e a partir de testes em humanos e camundogos, será possível expandir esse modelo probabilístico para um modelo dinâmico. O experimento não se restringe à COVID-19 e pode ser usado no caso de outras doenças com cura desconhecida, como o Alzheimer.
O projeto da universidade vai até outubro e o coordenador espera a validação científica do trabalho virtual e a criação de uma plataforma na web que possibilite que os resultados para a COVID-19 e outras doenças sejam visualizados por diversos pesquisadores.
Fonte: Estado de Minas
Faça seu comentário usando o Facebook

One thought on “Estudo projeta eficácia de medicamentos contra o coronavírus

Comments are closed.