Família morta por cabeça d’água em cachoeira em Guapé é enterrada em Campos Gerais

Compartilhar

Os corpos da família que morreu após ser atingida por uma cabeça d’água em uma cachoeira de Guapé foram enterrados nesta quinta-feira, 02, em Campos Gerais, onde aconteceu o velório. A cerimônia foi acompanhada por amigos e parentes.

Os corpos de Daphine Carvalho de Magalhães Couto, de 17 anos, e dos pais da jovem, Émerson Magalhães Couto, de 45 anos, e Áurea Carvalho Magalhães, de 39, foram encontrados entre a tarde e a noite de quarta-feira, 1º. Uma filha do casal, de 22 anos, não estava no passeio e acompanha a cerimônia na cidade onde a família morava.

Além dela, o namorado de Daphine, Diego Eugênio de Castro Isidoro, de 20 anos, está no velório. Ele estava com a família na cachoeira e contou que Émerson escorregou e que, logo depois, a enxurrada atingiu e levou os três juntos.

O velório está sendo realizado em uma igreja evangélica que foi fundada pelo casal. Émerson e Áurea atuavam como pastores auxiliares no local.

De acordo com os familiares, apesar de ser de São Paulo, Émerson vai ser sepultado junto com a esposa e a filha em Campos Gerais, porque esse seria o desejo dele. O casal morava há muitos anos na cidade, onde tinha um restaurante.

Foto: Thiago Luz/EPTV

 

 

Fonte: G1
Faça seu comentário usando o Facebook

One thought on “Família morta por cabeça d’água em cachoeira em Guapé é enterrada em Campos Gerais

Comments are closed.