Inverno no Sul de Minas tem previsão de temperaturas mais elevadas, tempo seco e escassez de chuvas

Compartilhar

O inverno começa neste sábado (20) no Brasil. No Sul de Minas as temperaturas para este período devem ser mais elevadas, com tempo bastante seco e com chuvas abaixo da média esperada. Os dados são do Somar Meteorologia.

Com bloqueios atmosféricos, a tendência é que as frentes frias fiquem mais concentradas no Sul do país, avançando pouco para a região Sudeste.

“Este inverno será favorável para quem não gosta tanto do frio. Teremos vários dias com temperaturas mais elevadas, principalmente as temperaturas do período da tarde. Já as temperaturas durante o amanhecer devem ser mais amenas, em torno de 10°C no Sul de Minas”, explica a meteorologista Maria Clara Sassaki.

Apesar das temperaturas mais altas no período todo, três ondas de frio estão previstas para este inverno.

“Nós teremos três ondas de frio que devem ser mais intensas: em meados de julho e também no final do mês, e uma outra em meados do mês de agosto. Com a influência destas passagens temos um potencial maior para ocorrência de geadas, mas não vemos por enquanto nenhuma geada tão intensa a ponto de prejudicar áreas de cultura”, disse.

Ainda de acordo com a meteorologista, o inverno deste ano será bem semelhante ao de 2019 no Sul de Minas.

“No ano passado nós tivemos cerca de 3°C acima da média no período todo, vai ser um inverno muito parecido com o de 2019. Claro que quando as ondas de frio estiverem atuando as temperaturas caem bastante, no entanto elas devem ter curta duração. Não vamos ter vários dias seguidos com temperaturas muito baixas”, salientou.

Chuvas
Com as temperaturas mais elevadas, meteorologista aponta que a umidade do ar permanecerá baixa durante praticamente todo inverno.

“Podemos esperar vários dias onde a umidade relativa ficará abaixo do nível de atenção de 30%. Este tempo seco favorece a escassez das chuvas, que serão abaixo da média climatológica para o Sul de Minas (entre 20 e 100mm), já é um período em que chove pouco, mas deve chover ainda menos ao longo deste inverno”, analisou Maria Clara Sassaki.

 

Fonte: G1 /Foto: Nelson Pacheco

Faça seu comentário usando o Facebook
Qual sua reação sobre o post!?
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
Menu
Right Menu Icon