Lixo espalhado por extensão da rodovia Fernão Dias chega a 200 toneladas por mês

Compartilhar

A concessionária responsável pela administração da Rodovia Fernão Dias, chega a recolher por mês cerca de 200 toneladas de lixo descartados de forma irregular, pela pista. Embalagens plásticas, de isopor, papel e pontas de cigarro, estão entre os itens descartados mais encontrados na rodovia.

Visando a conscientização e o alerta dos motoristas, a empresa iniciou uma campanha, em que são distribuídos sacos de lixo para os motoristas, nas praças de pedágio. O coordenador de implantação e conservação, José Batoro explicou as dificuldades enfrentadas. “Às vezes, a gente está recolhendo na frente e atrás já tem gente dispensando lixo novamente”, relata.

Segundo a coordenadora de meio ambiente Juliana Sampaio, por mais inofensivo que pareça, o simples gesto de jogar lixo na pista pode causar diversos problemas como, atropelamento de animais, que foram atraídos pelo material jogado na pista, queimadas, no caso das bitucas e enchentes, quando eles se acumulam em locais de escoamento de água.

No estado, quem for pego jogando lixo em rodovias, pode ser condenado a pagar multa de R$130 e perder quatro pontos na carteira, segundo a infração 172 do Código Brasileiro de Trânsito. Caso o infrator seja indiciado no artigo 54 da lei de crimes ambientais, ele pode pegar além de uma multa, prisão de um a quatro anos.

Fonte: Portal Amirt
Faça seu comentário usando o Facebook