Minas Gerais tem mais de 60 mil casos prováveis de dengue

Compartilhar

Os números da Covid-19 não para de crescer em Minas Gerais, mesmo com a maior parte da população em isolamento social. Porém, os registros Dengue, Chikungunya e Zika também seguem registrando aumento. Dados da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG), divulgados na última segunda-feira (11) apontaram que o estado já tinha registrado 64.110 casos prováveis de dengue.

Em relação às mortes, a pasta infirmou que foram registradas cinco nas cidades de Alfenas, Medina, Guaxupé, Itinga e Carneirinho. Há, ainda, 26 óbitos em investigação.

Já no caso da Febre Chikungunya, foram registrados em 2020, até o momento, 1234 casos prováveis da doença. Há um (1) óbito suspeito em Campo Belo.

Sobre os casos de Zika, Minas tem 297 casos prováveis. Destes, 34 foram em gestantes.

Fonte: 104 FM
Faça seu comentário usando o Facebook