Moderna diz que proteção de sua vacina contra Covid-19 segue forte após seis meses

Compartilhar

A Moderna anunciou nesta terça-feira que sua vacina contra a Covid-19 ainda mostra forte proteção contra a doença seis meses após as pessoas receberem a segunda dose, com eficácia de mais de 90% contra todos os casos da Covid-19, e mais de 95% contra casos graves da Covid-19.

A fabricante de vacinas, que irá atualizar os investidores sobre o progresso de suas vacinas em um evento na quarta-feira, afirmou que a continuidade de seu estudo original de estágio avançado demonstrou que a eficácia da vacina continua consistente com as atualizações anteriores.

A empresa também iniciou os testes de novas versões da vacina que são destinadas a uma nova variante do coronavírus, que foi identificada primeiramente na África do Sul e é conhecida como B.1.351.

A farmacêutica diz que ambas as versões da vacina que está testando, incluindo a vacina multivalente que combina a nova vacina desenvolvida com a anterior, aumentou o nível de anticorpos de neutralização contra variantes em ratos, com a multivalente oferecendo um nível mais amplo de imunidade.

Em março, a empresa começou a testar três abordagens para intensificar a vacina e assim garantir a proteção contra as novas variantes.

A vacina da Moderna é autorizada ou aprovada para uso em mais de 40 países, utilizando a tecnologia de RNA Mensageiro (mRNA), que possui instruções para que células humanas fabriquem proteínas que imitam parte do coronavírus.

As instruções estimulam a ação do sistema imunológico, tornando o corpo em uma fábrica exterminadora do vírus. O vírus de fato não está contido nas vacinas.

Fonte: Terra

Faça seu comentário usando o Facebook
PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com