Onda Sul FM

Mulher é detida por suspeita de realizar consultas ilegais no Sul de Minas

Neste sábado, 22, uma mulher foi detida por exercício ilegal da profissão em Campo Belo. De acordo com a Polícia civil, ela estava fazendo consultas oftalmológicas em uma igreja da cidade sem os devidos registros para a atividade.

Ainda conforme a polícia, ela estava na Igreja Casa de Oração Jesus Salva, na Praça Vereador Mauro de Sousa, no bairro Feira, onde estava acontecendo um mutirão de consultas de vista. A mulher, no entanto, estaria utilizando um registro de uma outra mulher, de São Paulo, que seria optometrista.

Ao ser abordada, a mulher disse que era estagiária e que foi até Campo Belo porque a optometrista não conseguiu ir até lá. Mesmo assim, ela foi detida, já que não poderia exercer a profissão.

Além dela, outras três pessoas foram detidas. Com o grupo, foram apreendidos máquinas de cartão de crédito e armações de lentes que seriam de uma ótica em São Paulo. Todo o material foi encaminhado para a delegacia. Os suspeitos foram ouvidos e liberados.

Procurada, a Igreja Casa de Oração Jesus Salva disse que a intenção era ajudar a comunidade e que ela foi convidado por um outro pastor a emprestar o local onde aconteceria uma parceira com a oftalmologista de São Paulo.

A igreja ressaltou que a mulher que estava no local não fazia as receitas e apenas orientava os pacientes quando era detectada alguma irregularidade.

Faça seu comentário usando o Facebook
© 1999-2019 ONDA SUL - A RÁDIO DO SUL DE MINAS. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS / IA EMPRESA