Onda Sul FM

Mutirão previdenciário é realizado em Carmo

Trabalhadores rurais com demandas judiciais de auxílio-doença, aposentadoria ou pensão por morte podem finalizar seus processos em menos tempo do que é previsto em um processo tradicional. Esta é a proposta do mutirão previdenciário, realizada pela comarca de Carmo do Rio Claro.

Todas as ações que envolvam o INSS estão inseridas como o trabalho do mutirão previdenciário. Sendo que, a maioria dessas ações envolvem o ruralista (trabalhador rural). Além das demandas já citadas, há também outras, como aposentadorias por idade ou invalidez e auxílio-maternidade

As audiências realizadas no fórum de Carmo do Rio Claro são exclusivas para pessoas da zona rural e os atendimentos são feitos em sua maioria, a idosos e pessoas com necessidades especiais. A equipe do fórum realiza as audiências em três salas. As edições do mutirão somam em 118 processos já finalizados.

No passado esse número levaria mais tempo para ser alcançado por ser difícil realizar as perícias. Com isso, os processos demoravam a entrar na fase de instrução e julgamento e não eram selecionados para a fase de mutirão. Para sanar esse problema e acelerar o processo, o TJMG implantou o sistema de auxiliares da justiça, ou seja, um banco de profissionais que permite ao juiz selecionar peritos para os casos necessários.

 

 

 

 

Faça seu comentário usando o Facebook
© 1999-2019 ONDA SUL - A RÁDIO DO SUL DE MINAS. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS / IA EMPRESA