Operação do nióbio deve ser finalizada ainda este ano e vai disponibilizar cerca de R$ 4,5 bilhões para Minas

Compartilhar

A operação sobre a antecipação da venda de créditos da exploração do nióbio deve ser finalizada até agosto, segundo o governador Romeu Zema (Novo). A informação foi divulgada pelo chefe do executivo estadual em entrevista ao O Tempo.

O governo espera que o DNDES compre os direitos sobre os recebíveis, disponibilizando entre R$ 4 bilhões e R$ 6 bilhões aos cofres do governo estadual que passa por uma crise.

A negociação com o Governo Federal começou antes da pandemia, mas desde o final do ano passado o Governo de Minas trata da venda da exploração dos créditos do nióbio. A Secretaria de Fazenda afirma que este dinheiro pode auxiliar o governo do estado.

Ainda na conversa com ao jornal O Tempo, o governador alegou que a operação demora um tempo para ser finalizada, com no mínimo, 90 dias para ser concretizada.

Inicialmente o governo havia anunciado que a operação seria feita para realizar o pagamento do 13º salário do funcionalismo público em 2019, porém apesar da aprovação do projeto do Executivo na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), a operação não foi concluída na Bolsa de Valores.

Fonte: Portal Amirt
Faça seu comentário usando o Facebook
PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com