Paraíso tem mais um óbito provocado pela Covid-19

Compartilhar

A taxa de ocupação da UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) destinada ao tratamento de pacientes com Covid-19 caiu para 95% na Santa Casa de São Sebastião do Paraíso. Há cerca de uma semana o indicador chegou a alcançar 105%. Em contrapartida mais uma morte foi confirmada elevando o total para 134 no município, desde o início da pandemia. Somente na terça-feira foram realizadas 57 notificações com 28 casos confirmados de pessoas que contraíram a Covid-19.

Depois de uma semana com índices na casa dos 100%, na última terça-feira, 14, o percentual de utilização da UTI Covid da Santa Casa abaixou para 95%. Isto quer dizer que dos 20 leitos disponíveis 19 estão sendo utilizados. Do total de pacientes a ocuparem a ala 11 pessoas são paraisenses e oito oriundas das cidades da região.

O hospital vem se preparando para ampliar a oferta de leitos para atender pacientes em estado mais grave da doença e que necessitam de ajuda de tratamento por aparelhos, como os respiradores e outros equipamentos.

Ainda na Santa Casa a Enfermaria Covid, está com 72,34% de utilização. São 47 leitos disponíveis, sendo que 34 estão sendo utilizados, por 15 pessoas de São Sebastião do Paraíso e 19 de outras cidades. Conforme o boletim todos estes pacientes atendidos nas duas alas recebem atendimento através do SUS (Sistema Único de Saúde).

Conforme o balanço divulgado no final da tarde, com as novas 57 notificações subiu para 11. 244 a quantidade de notificações realizadas no município.

Depois de mais 28 confirmações a quantidade de pessoas que já testaram positivo para o coronavírus chega a 3.530 pessoas. Entre os casos confirmados há 31 que estão internados em unidade hospitalar, enquanto que são 50 também confirmados, mantidos em isolamento domiciliar. Os casos descartados chegam a 2.181 e os de recuperados 3.315.

O resumo aponta para um caso de óbito que está sendo analisado através de exame laboratorial. As mortes descartadas até o momento são de 55 ocorrências. O boletim apresenta detalhes como 2.126 casos de pessoas que se recuperaram e tiveram o diagnóstico descartado e de 252 casos de pessoas que são consideradas como suspeitas e que são monitoradas em suas respectivas residências.

Fonte: Jornal Sudoeste
Faça seu comentário usando o Facebook
PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com