Pela primeira vez na história dólar atinge R$ 4,50

Compartilhar

O dólar comercial opera esta quinta-feira (27), em alta frente ao real desde a abertura dos negócios, após a moeda norte-americana romper o patamar inédito de R$ 4,50, ainda refletindo o viés de proteção e contínua aversão ao risco em meio ao avanço do coronavírus por países fora da Ásia. Às 11h02 de Brasília, a moeda norte-americana operava em alta de 0,69% no mercado à vista, cotada a R$ 4,483 para venda.

Nem as tentativas do Banco Central (BC) de colocar US$ 1,5 bilhão no mercado por meio de swap cambial tradicional – equivalente à venda de dólares no mercado futuro – impede a valorização do câmbio. Diante disso, a moeda opera valorizada pela sétima sessão seguida.

Os analistas da corretora Commcor avaliam que o pano de fundo para a continuidade da forte aversão ao risco lá fora são manchetes apontando que China e Coréia do Sul teriam registrado alarmantes índices de novos casos da doença, o que mostra a realidade de que a disseminação do vírus pode se tornar uma pandemia.

Palavras do presidente Donald Trump

“O próprio discurso de Donald Trump (presidente dos Estados Unidos), acerca da doença, se mostrou incapaz de tranquilizar investidores, que realmente não encontraram nas falas dele motivos para baixar a guarda”.

Fonte; Canal Rural
Faça seu comentário usando o Facebook