Polícia Federal prende mulher que aplicava golpe do auxílio emergencial e FGTS

Compartilhar

Uma mulher suspeita de aplicar golpes do auxílio emergencial e do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) foi presa em flagrante em Uberaba, no Triângulo Mineiro. Na casa dela, foram apreendidos notebook, celular e diversos materiais com informações bancárias de cerca de 1.500 vítimas. Para a polícia, ela negou os crimes.

A prisão ocorreu na última sexta-feira, 16, em uma ação conjunta entre a Polícia Federal (PF) e a Polícia Militar (PM). Para as instituições, a mulher utilizava dados de terceiros para se cadastrar no aplicativo Caixa Tem e receber os benefícios.

Durante as buscas na casa da suspeita, foram encontradas uma lista como aproximadamente 1.500 CPFs, 75 chips pré-pagos sem uso, sete chips de celulares já utilizados, quatro celulares, um tablet e comprovantes de depósito em nome de outras pessoas.

A mulher pode responder pelos crimes de invasão de dispositivo informático e furto qualificado mediante fraude, podendo cumprir até 11 anos de prisão.

 

Fonte: Estado de Minas
Faça seu comentário usando o Facebook