Praça de Alfenas amanhece com cruzes simbolizando o “Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres”

Compartilhar

Em 1999, a Assembléia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), aprova a data 25 de novembro como o “Dia Internacional da Violência Contra a Mulher”, com o objetivo de estimular que governos, sociedade civil organizada nacionais e internacionais, conscientizem a população a necessidade de extinguir com a violência que destrói a vida, não só das mulheres mas também os das pessoas que vivem ao seu redor.

Esta data, foi escolhido pelas organizações de mulheres de todo o mundo reunidas em Bogotá, na Colômbia, em 1981 em homenagem às irmãs, que responderam com sua dignidade à violência, não somente contra a mulher, mas contra todo um povo. A partir daí, esta data passou a ser conhecida como o “Dia Latino Americano da Não Violência Contra a Mulher”.

Para homenagear e lembrar o “Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres”, a Praça Getúlio Vargas, da cidade de Alfenas, amanheceu na última quarta-feira, 25, com 79 cruzes, simbolizando cada vítima por feminicídio em Minas Gerais durante a pandemia, além de nomes e informações de como foram mortas.

Esta iniciativa teve o apoio da Polícia Militar que realizou blitz educativas de prevenção contra a violência na cidade e foi feita pela rede de proteção do município com a parceria de instituições municipais.

A “Campanha Mundial de Combate a Violência contra as Mulheres” se estende até o dia  10 de dezembro, “Dia Internacional dos Direitos Humanos”.

 

 

Faça seu comentário usando o Facebook
PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com