Preço da gasolina cai 12% em Passos

Compartilhar

Após meses anunciando queda no preço da gasolina nas refinarias, a Petrobras informou nesta terça-feira, 26, um aumento de 5% no valor do combustível. A alta já é a quarta consecutiva neste mês, mas ainda não chegou ao consumidor passense, uma vez que houve uma queda de 12,35% no preço médio do combustível na cidade desde janeiro.

Mesmo com o aumento de mais de 30%, neste mês, no preço da gasolina nas refinarias, o valor do combustível continua caindo para o consumidor da cidade. De acordo com o Sistema de Levantamento de Preços, atualizado semanalmente pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), no período de 17 a 23 de maio, a média de preço da gasolina era de R$4,362, sendo que o preço mais baixo era R$4,199 e o mais alto, R$4,999. Já o preço médio, em maio, era R$4,383, até o dia 21, o mais baixo registrado até o momento. Quando comparado com a média do mês de janeiro, que foi R$5,001 -sendo que o menor preço foi R$4,799 e o maior R$5,099-, a diferença é de R$0,61 centavos, uma queda percentual de 12,35%.

A partir do mês de fevereiro, a Petrobras anunciou diversas quedas no valor do combustível para as refinarias e o valor pago pelos consumidores também diminui, gradativamente, na cidade. Em fevereiro, o preço médio era de R$4,953; em março aumentou para R$4,986 e, em abril, caiu para R$4,705.

No dia 20 de abril, a Folha publicou uma matéria informando que a gasolina em Passos e em Frutal eram as mais caras do Estado. Na ocasião, o menor preço ao consumidor em Passos era de R$4,79 e, o mais alto, de R$4,99. Apesar da queda no preço médio pago pelo consumidor passense de janeiro a maio, a gasolina do município permanece como uma das mais caras de Minas Gerais, fica atrás apenas de São Sebastião do Paraíso (R$4,439) e a frente de Juiz de Fora (R$4,363).

O Ministério Público está investigando, após iniciativa dos Procon Municipais, se há irregularidades no preço da gasolina repassado ao consumidor no município, como a Folha também informou em matéria publicada no dia 25 de abril.

Os Procons Municipais fizeram um levantamento dos preços praticados nos 28 postos da cidade e encaminharam para o Procon Estadual. Segundo o promotor de justiça responsável pela Promotoria do Direito do Consumidor em Passos, Jorge Alexandre de Andrade Rodrigues, a documentação recolhida pelos fiscais do Procon está na fase final de compilação e, posteriormente, será enviada para um órgão técnico do Ministério Público.

“Já houve uma conversa com o setor técnico onde foi pedido prioridade no caso dos preços. Todos os esforços estão sendo realizados para que o pedido de análise seja encaminhado. Se for constatado qualquer tipo de irregularidade, serão adotadas medidas administrativas pelo Procon estadual em relação à conduta dos postos. Essas medidas podem ir de multa até embargo do estabelecimento. O Ministério Público estadual está atento e está atuando, já estávamos de olhos nisso (nos preços desses combustíveis) há algum tempo e vamos adotar as sanções previstas em lei”, finalizou.

 

Fonte: Folha da Manhã
Faça seu comentário usando o Facebook

One thought on “Preço da gasolina cai 12% em Passos

Comments are closed.