Prefeitura de Machado vai pagar auxílio emergencial de R$ 800 aos músicos da cidade

Compartilhar

A Prefeitura de Machado, no Sul de Minas, vai pagar auxílio emergencial de R$ 800 aos músicos da cidade, que tiveram prejuízos por conta da pandemia da Covid-19. A administração municipal recebeu 37 cadastros e 30 estão aptos a receber o benefício.

De acordo com a prefeitura, a iniciativa do auxílio emergencial foi do prefeito, Maycon William, que homologou e estabeleceu essa ajuda com recursos próprios do município. O benefício será no valor de R$ 800 pago em uma única parcela.

A prefeitura recebeu 37 inscrições no cadastro municipal, sendo que 30 foram habilitadas a receber o auxílio do programa Cultura Viva da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo.

“Os critérios de seleção levaram em consideração: residência em Machado, relato que teve as atividades interrompidas pela pandemia, que têm na música sua fonte prioritária de renda e se não possui nenhum trabalho formal ativo quando cadastrado’, explica

Os beneficiados precisam comparecer, até a próxima sexta-feira (12/3), na Casa da Cultura para assinatura do termo de compromisso. “Eles precisam levar cópia do CPF, RG e um comprovante de residência”, completa.

Para o secretário municipal de cultura, João Alexandre Moura, a ação se justifica devido ao cancelamento de festas, eventos, música em bares e pesqueiros, casamentos, aniversários, contratos e a suspensão de diversas formas que o músico se organizava para obter uma renda.

“Esperamos que os governos estadual e federal pensem em um orçamento para o setor cultural em 2021 como ocorreu em 2020 com a Lei Aldir Blanc, o setor cultural é sem dúvida, um dos mais impactados com a pandemia”, finaliza João Alexandre.

Ainda segundo a prefeitura, Machado é um dos primeiros municípios no Brasil a ter este olhar de auxílio aos músicos após a finalização da Lei Federal Aldir Blanc.

 

Fonte: Estado de Minas
Faça seu comentário usando o Facebook
PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com