Programa Crédito Assistido vai atender associados do Sicoob em Minas Gerais

Compartilhar

Pequenos negócios que tomarem crédito no Sicoob com garantias do Fundo de Aval às Micro e Pequenas Empresas (Fampe) receberão suporte técnico do Sebrae para melhorar sua gestão financeira

Entre junho e julho, saltou de 42% para 54% o percentual de pequenos negócios de Minas Gerais que buscou empréstimo durante a pandemia. Mas, levando em conta a demanda reprimida, estima-se que cerca de 75% dos empreendedores do estado precisam de financiamento para manter os negócios funcionando. Para oferecer melhores condições de crédito e suporte na gestão financeira dos pequenos negócios, a partir deste mês, o Sicoob passa a operar linhas de financiamento com o Fampe, o Fundo de Aval às Micro e Pequenas Empresas, gerido pelo Sebrae.

Com os recursos do Fampe, mais micro e pequenas empresas associadas ao sistema Sicoob em Minas Gerais poderão acessar crédito com condições diferenciadas. Outra novidade é que os associados do Sicoob que conseguirem crédito com o aval do Fampe também vão receber o suporte técnico do Sebrae para manter as finanças do negócio em dia. O apoio será dado por meio do Programa Crédito Assistido, um conjunto de soluções de orientação e capacitação financeira para pequenos negócios.

A adesão ao programa não requer contrapartidas e é voluntária. “Sabemos que mais de 20% dos empresários mineiros não buscaram socorro financeiro com medo de não conseguir pagar o empréstimo e se endividar ainda mais”, afirma João Cruz Reis Filho, diretor técnico do Sebrae Minas. O crédito assistido garante ao empreendedor acesso gratuito e facilitado a conteúdos gestão financeira, além de consultoria personalizada para os negócios.

O programa foi estruturado em trilhas de capacitação, para atender os pequenos negócios de acordo com seu estágio de desenvolvimento e suas necessidades específicas. “Neste momento de paralisação econômica vimos o quanto os pequenos negócios são frágeis e como é difícil para eles acessar o crédito. A parceria com o Sebrae é fundamental para reduzir os riscos das operações com o segmento, oferecendo às micro e pequenas empresas garantias para conseguirem o empréstimo, além de orientação para manter a gestão financeira em dia”, afirma Marco Aurélio Borges de Almada Abreu, presidente do Banco Cooperativo do Brasil (Bancoob).

Crédito Assistido deve alcançar 10 mil empresas em Minas Gerais

Os empresários atendidos pelo Sicoob em linhas de crédito com o aval do Fampe vão receber um e-mail do Sebrae para aderirem ao programa e começarem a capacitação. Além do Sicoob, clientes do BDMG e da Caixa em Minas Gerais que conseguiram empréstimos com o aval do Fampe também poderão participar do programa. A estimativa é atender 10 mil clientes das três instituições no estado neste ano. Mais informações: sebrae.com.br/minasgerais

Faça seu comentário usando o Facebook