Onda Sul FM

Receita Estadual fecha posto de combustíveis por suspeita de fraude e irregularidades nas bombas

Nesta sexta-feira, 09, a Receita Estadual fechou mais um posto de combustíveis em Varginha por suspeita de fraude. As investigações apontam que o estabelecimento, localizado no Centro da cidade, adquiria grande quantidade de produto sem nota fiscal e violava o mecanismo medidor de bombas.

Ainda conforme a Receita, esse procedimento fazia com que o posto registrasse um volume de saída de combustíveis menor que o verdadeiramente vendido. Além da Inscrição Estadual cassada, a empresa teve a autorização para o exercício de sua atividade de revenda cancelada pela Agência Nacional do Petróleo (ANP).

Conforme a Receita, há indícios de que o volume fraudado pelo estabelecimento seja superior a 1,5 milhão de litros de álcool e 700 mil litros de gasolina. O valor do ICMS sonegado também está sendo apurado.

De acordo com a Receita, após a conclusão dos levantamentos, a empresa será autuada, sendo cobrados os valores do imposto e das multas devidas pelas irregularidades. Atualmente o posto está com as atividades paralisadas e uma faixa informa que o local passa por reformas.

Só neste ano, quatro postos de combustíveis foram fechados pela Receita Estadual por conta de irregularidades em Varginha (MG). A operação de fiscalização sobre postos de combustíveis, chamada “Encerrando”, deverá ser estendida para os 166 municípios da jurisdição da Superintendência Regional da Fazenda.

Faça seu comentário usando o Facebook
© 1999-2019 ONDA SUL - A RÁDIO DO SUL DE MINAS. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS / IA EMPRESA