Secretária de Educação sugere brincadeiras entre as famílias no período quarentena

Compartilhar

Na última quarta-feira, 18, como medida de prevenção contra o coronavírus, o Estado de Minas Gerais suspendeu as aulas na rede pública, onde as crianças irão passar mais tempo em casa, no período em que teriam que estar na escola.

Para as crianças não passarem muito tempo sem aprendizado, a secretária de Educação, Zineti Guimarães, aconselha que as famílias planejem atividades educativas e orientem seus filhos que nesse período sem escola, não pode ser considerado férias.

Mesmo com a pandemia acontecendo e as medida dos alunos não frequentarem a escola para e evitar o coronavírus, Zineti acredita que também será uma boa oportunidade entre pais e filhos passarem momentos agradáveis e divertidos, criando um laço maior entre eles. A secretária aconselha também a não proibir as crianças a assistir televisão, navegar pela internet ou outros tipos de tecnologia que são atrativos nos tempos de hoje, no entanto é preciso ter equilíbrio nas atividades rotineiras no dia a dia das crianças.

Brincadeiras antigas como amarelinha, pula corda, bambolê, telefone sem fio e passa anel podem ser uma das opções divertidas e educativas. A secretária de Educação também sugere a confecção de brinquedos por meio de sucatas, pinturas, escritas de cartas, costura de roupas para bonecas, brincadeiras de luz e sombra. Existem também várias plataformas de conteúdos educativos no YouTube, que podem ser exploradas.

De acordo com o Governo do Estado de Minas Gerais, as aulas estão paralisadas por tempo indeterminado, nesse período é necessário estimular as crianças no aprendizado.

Faça seu comentário usando o Facebook