Onda Sul FM

Sentir inveja é um atestado de incapacidade que inferioriza o indivíduo diante de si e do outro

A inveja é um grande problema, e Fabiano de Abreu, filósosfo, mostra o quanto é terrível e constrangedor  a inveja.  Ruim para quem sente, pois o invejoso se sente inferior as demais pessoas, ruim para o invejado, que sente ameaçado, inibido a usufruir do seu talento, das suas conquistas, pois se sente ameaçado pelo indivíduo que o inveja.

A pessoa que sente inveja não reconhece sua capacidade, seu talento, suas habilidades. Inferioridade é um problema sério, que precisa ser solucionado, ser tratado se necessário para que o indivíduo possa buscar sua felicidade por sua capacidade.

Nestes casos toda ajuda é necessária, saber reconhecer e também saber ajudar é importante.

Para aquele que sente inveja falta ação:

“Buscar motivação, enxergar onde está a dificuldade de traçar metas, planos, colocar a vida em prática; deixar de se sentir inferior aos outros e vencer a si próprio através do talento que a todos é dado”.

Cabe aos que se sentem invejados também ajudarem:

“Não demonstrando superioridade, não julgando o invejoso, não se expondo, não contando vitórias se vangloriando delas”.

Ao que sente inveja, procure seguir o exemplo das pessoas bem sucedidas, mude seus planos, não viva estagnado, coloque-se em ação e viva melhor sua vida, pelos seus méritos.

A inveja é um problema de saúde, pelo menos psicológico, de auto estima e a pessoa que sofre com este mal, só vencerá este problema quando buscar enxergar o outro como exemplo a ser seguido e não no desejo de possuir o bem alheio.

Foto: paraumavidamaisfeliz.com.br
Via: Fabiano de Abreu/MF Press Globalhttp://Sentir inveja é um atestado de incapacidade que te inferioriza diante de si e do outro
Faça seu comentário usando o Facebook
© 1999-2019 ONDA SUL - A RÁDIO DO SUL DE MINAS. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS / IA EMPRESA