Sobe para 2.201 casos confirmados e 46 mortes por coronavírus no Brasil

Compartilhar

Mesmo com as medidas de contenção adotados no Brasil para sanar o problema do coronavírus, o número de casos suspeitos e mortes no país ainda cresce. Ao todo, já são 2.201 casos confirmados da doença e até o momento 48 mortes já foram registradas. As maiores ocorrências do novo coronavírus estão na região sudeste. Os dados são do último boletim do Ministério da Saúde.

São Paulo é o estado com maior número de doentes, 810 casos. Além disso, Rio de Janeiro aparece no segundo lugar. Os dois estados configuram os números de mortes até o momento, sendo 40 em SP e 6 no RJ. Ceará e Distrito Federal também aparecem em terceiro e quarto lugares respectivamente no número de doentes. Em contrapartida, Rondônia, Roraima e Amapá figuram os estados com as menores quantidades de contaminados desde o início do novo coronavírus.

Para que o novo coronavírus não se espalhe ainda mais, a nova medida preventiva do Governo Federal será ampliar os testes da Covid-19 em profissionais de saúde e segurança em todo o país. Com isso, serão distribuídos cerca de 23 milhões de dois tipos de testes.

Com os novos testes rápidos que serão testados no Brasil, pessoas que não apresentarem sintomas da Covid-19 poderão ser colocadas em quarentena. Além das orientações para que os sintomáticos fiquem em casa, com o novo teste rápido um outro grupo de pessoas também receberá a recomendação de que fiquem em casa, de acordo com o Secretário Executivo da Pasta, João Gabbardo.

O Ministério da Saúde pretende realizar já na próxima semana de 30 a 50 mil testes por dia em possíveis contaminados. Além da testagem, a Campanha de Vacinação contra a gripe comum que já está em andamento é uma das estratégias de combate a Covid-19, tudo para que, quando os imunizados sentirem sintomas gripais, os médicos já podem investigar a nova doença.

 

Faça seu comentário usando o Facebook