Search
Close this search box.

Atividades educativas conscientizam sobre limpeza do Lago de Furnas, em São José da Barra

0
COMPARTILHAMENTOS
344
VISUALIZAÇÕES

Furnas preparou atividades educativas para esta semana na orla do lago, em São José da Barra (MG). Neste sábado (25), o evento contou com três programações na sede do Clube Náutico Engenheiro Mauro Ferraz. Atualmente a represa está com 767,7 metros de volume acima do nível do mar, superior a 97%. O problema tem sido o lixo acumulado no fundo do lago.

Para ajudar nessa situação, sete mergulhadores tiveram a missão de recolher o máximo de lixo possível neste sábado. Tudo que foi encontrado, foi retirado e descartado. Um desses mergulhadores é o José de Alencar Oliveira, que conseguiu retirar latinhas, plástico, garrafas pet cortadas e até sacolinhas do local. “Encontramos bastante [lixo], perto de bares flutuantes, dos Canyons, onde tem bastante gente. (…) Até pneu já vimos”, explica.

Entretanto, não são só os adultos que ajudaram a mudar a situação do lago. Alexandre Henrique de Assis Mendes, de 13 anos, que já pratica mergulho, também participou da atividade. Ele ajudou a retirar o lixo e contou como foi a experiência.

“ Achamos óculos, muitas latas, uma colher, pacote de salgadinho. É meio triste, né?”, diz Alexandre.

Ao redor do Lago de Furnas, na área de mata, foi grande a quantidade de lixo encontrada. Os mergulhadores ressaltam que, dentre tantos objetos, foram encontrados principalmente copos plásticos e latinhas.

Segundo Wladimir Rodrigues, que é gerente de Segurança e Saúde do Trabalho de Furnas, todo o material recolhido agora vai ter destino correto.

“Vamos tentar mandar para o local adequado para fazer a destinação final, com empresas homologadas para fazer esse tipo de lixo. E não jogar em um lixão qualquer, como outros locais fazem”, finaliza.

Fonte: g1

×