Onda Sul FM

Tag: contas

Aumento nas contas de água e luz podem ser decorrentes da suspensão da tarifa social. Acompanhe a matéria

Aumento nas contas de água e luz podem ser decorrentes da suspensão da tarifa social. Acompanhe a matéria

4.5 - Carmo do Rio Claro, Carmo do Rio Claro/MG, Cidade, Cidades, Módulos, Notícias
Se a sua conta de água ou luz, veio o dobro ou com valor maior, mesmo tendo o mesmo consumo do mês anterior, o que pode ter ocorrido é a suspensão da tarifa social. Mas o que é a tarifa social? Trata se de um benefício do Governo Federal para as famílias inscritas no cadastro único com renda per capita de até meio salário mínimo. Porém não basta ter inscrição no cadastro único, é necessário manter seu cadastro atualizado ( atualizar sempre que houver mudança de endereço, renda, composição família ou a cada 2 anos). Para maiores informações procure o programa Bolsa Família (ao lado do Fórum) de segunda a quinta-feira das 07h00 às 15h00 ou ligue 3561-2479. Fonte: Secretaria de Assistência Social - Programa Bolsa Família
Contas da Copasa tem reajuste de 11,6% neste 1º de agosto

Contas da Copasa tem reajuste de 11,6% neste 1º de agosto

9 - Gerais/MD, Cidades, Gerais, Módulos, Notícias, Sul de Minas
As contas de água e esgoto da Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa) sofreram um reajuste de 11,6% para os usuários residenciais, a partir desta quinta-feira, 1º. A alta equivale a quase duas vezes o valor da inflação registrada nos últimos 12 meses, segundo o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). O reajuste foi autorizado pela Agência Reguladora de Serviços de Abastecimento de Água e de Esgotamento Sanitário do Estado de Minas Gerais (Arsae-MG). De acordo com a publicação, os usuários residenciais com água, coleta e tratamento de esgoto, que consomem 10 m³ (10 mil litros) mensais, deixam de pagar contas de R$ 72,93 e passam a pagar R$ 81,41, um aumento de R$ 8,48. Já os moradores cadastrados na Tarifa Social, que pagavam R$ 34,95, passam a pagar, a partir de hoje
STF acolhe pedido de desbloqueio das contas do Estado de Minas Gerais

STF acolhe pedido de desbloqueio das contas do Estado de Minas Gerais

9 - Gerais/MD, Cidades, Gerais, Minas Gerais, Módulos, Notícias
A ministra do Supremo Tribunal Federal (STF), Rosa Weber acolheu o pedido da ação Advocacia Geral do Estado que pedia o desbloqueio de R$ 74,5 milhões das contas do Estado de Minas Gerais, na última quarta-feira (06). A Ação Cível 3235 (ACO 3235), deferida pela ministra, impediu que o valor fosse bloqueado das contas públicas do Estado. Na ação, o governo de Minas afirma que o bloqueio destes valores agravaria ainda mais a situação financeira do estado que já foi agravada após o rompimento da barragem, em Brumadinho. O governo, além disso, já fez outras ações solicitando o desbloqueio de verbas para Minas. Em fevereiro foram mais de R$ 748 milhões desbloqueados. Em janeiro a ministra liberou outros R$ 443,3 milhões. No montante, nos primeiros três meses dentes ano o STF já liberou
Índice de inadimplência aumenta em Poços de Caldas

Índice de inadimplência aumenta em Poços de Caldas

7 - Poços de Caldas/MD, Cidades, Gerais, Módulos, Notícias, Poços de Caldas/MG
A inadimplência da população de Poços de Caldas foi afetada pelo atraso no pagamento de contas de água e luz. Conforme levantamento da Associação Comercial, o índice teve aumento de 3,5% no fechamento de 2018. Isso representa 2,5 mil contas de luz atrasadas por mês e mais de 9 mil contas de água inadimplentes no ano passado. Contudo, a situação não é muito diferente no cenário nacional. De acordo com a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC), a falta de pagamento de serviços essenciais aumentou 4,41%. Dessa maneira, supera até mesmo as dívidas bancárias. O gerente administrativo do Departamento Municipal de Água e Esgoto (Dmae), Maurício Kato da Silva, afirmou que houve queda em relação a 2017. O número de contas de água em atraso
Prefeito de Poços de Caldas anuncia corte emergencial de despesas

Prefeito de Poços de Caldas anuncia corte emergencial de despesas

7 - Poços de Caldas/MD, Cidades, Economia, Módulos, Notícias, Poços de Caldas/MG
Decreto vale por 2 meses e inclui corte de horas extras; falta de repasses do governo estadual gerou contenção O prefeito Sérgio Azevedo anunciou, durante coletiva à imprensa nesta terça-feira (30), a publicação do decreto 12.775/2018, que declara o município em “Situação de Emergência Financeira”. A Prefeitura está com as contas equilibradas mas, devido à falta de repasses dos impostos pelo Governo do Estado, faz-se necessário “cortarmos despesas para garantir nossos compromissos de final de ano, já que temos três folhas de pagamento nos próximos dois meses e queremos honrar nossos compromissos, principalmente com nossos servidores, que são nossos parceiros”, destacou o prefeito. O decreto tem duração de 60 dias. A dívida do Estado com Poços de Caldas chega à casa dos R$ 60 milhõe
Vereadores aprovam programa de recuperação de créditos no Carmo

Vereadores aprovam programa de recuperação de créditos no Carmo

4 - Destaque 2/MD, Carmo do Rio Claro/MG, Cidades, Módulos, Notícias, Política
Os vereadores aprovaram nesta segunda-feira (23) em segunda deliberação o projeto de lei 006/2018 que trata do Programa de Recuperação de Créditos Fiscais (procrefis). Prevê o parcelamento em até três vezes e descontos no pagamento de juros e multas decorrentes de créditos fiscais vencidos até o dia 31 de dezembro de 2017. O procrefis é uma oportunidade para que as pessoas regulamentem seus débitos junto ao município. O projeto foi aprovado com duas emendas. Uma delas proposta pelos vereadores Angela Vitor e Paulo Marcelo Silva (Paulão). A emenda busca impedir que haja inadimplência dentre os munícipes que aderirem ao programa. Fixa que, aquele que adere ao procrefis, mas não realiza o pagamento acordado, não poderá participar de novos programas de parcelamento de créditos tributário
Comissão Mista de Fiscalização analisa prestação de contas do Executivo

Comissão Mista de Fiscalização analisa prestação de contas do Executivo

7 - Poços de Caldas/MD, Cidades, Módulos, Notícias, Poços de Caldas/MG, Política
A Comissão Mista de Fiscalização da Execução Orçamentária e Financeira da Câmara de Poços se reuniu, na última semana, com o objetivo de planejar ações de trabalho para os próximos meses. Vereadores e servidores da Assessorias Financeira, Técnico Legislativa e Jurídica definiram que, em um primeiro momento, a análise de todas as prestações de contas que foram encaminhadas pelo Executivo nos últimos tempos será priorizada. Compete à Comissão Mista de Fiscalização, entre outras atribuições, emitir pareceres sobre assuntos de caráter orçamentário e financeiro, como por exemplo a análise das prestações de contas de convênios, parcerias e acordos celebrados por órgãos da administração pública. Além disso, a comissão deve analisar a prestação de contas anual do município, após o recebimento
Prefeitura quer pagar dívidas em condomínio de Alfenas

Prefeitura quer pagar dívidas em condomínio de Alfenas

4 - Destaque 2/MD, Alfenas/MG, Cidade, Cidades, Módulos, Notícias
Alguns imóveis têm ligações clandestinas e moradores foram negativados. Dívida ultrapassa os R$ 460 mil. A dívida de moradores de um Conjunto Habitacional com companhias de água e energia é discutida em um projeto de lei da prefeitura de Alfenas (MG). A prefeitura quer pagar a dívida de 510 apartamentos do condomínio no bairro Recreio Vale do Sol em situação irregular. Além das dívidas, alguns imóveis têm ligações clandestinas. A dívida com a Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) e a Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa) chega a R$ 465.200. Além de contas de cada apartamento, o valor inclui a água e luz do condomínio. Com os valores, o serviço foi cortado em alguns apartamentos. O caso de muitos moradores é de imóveis em nome de te
Prefeitura de Alfenas realizará audiência pública para prestação de contas

Prefeitura de Alfenas realizará audiência pública para prestação de contas

5 - Região/MD, Alfenas/MG, Cidades, Gerais, Módulos, Notícias
A Prefeitura de Alfenas, por meio da Controladoria-Geral do Município, promove audiência pública para prestação de contas do 3º quadrimestre de 2017. O evento será na terça-feira, 27 de fevereiro, a partir das 17h, no auditório da Câmara Municipal. A prestação de contas é uma das exigências da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). De acordo com informações divulgadas pela Prefeitura, o objetivo é dar transparência as atividades do município, além de cumprir uma exigência da LRF. As contas, de acordo com o governo, seguem o cumprimento das metas fiscais e dos dispositivos legais que tratam das ações e serviços públicos de saúde, realizados pelo Fundo Municipal de Saúde. Na oportunidade também serão apresentadas as principais receitas e despesas do município e as principais ações executa
© 1999-2019 ONDA SUL - A RÁDIO DO SUL DE MINAS. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS / IA EMPRESA