Search
Close this search box.

Vídeo | “Ele optou por ficar em Conceição da Aparecida”, diz prefeito de Conceição em boas-vindas ao novo delegado

0
COMPARTILHAMENTOS
580
VISUALIZAÇÕES

Nesta quinta-feira, 13, o prefeito de Conceição da Aparecida, José Antônio Ferreira, deu boas-vindas ao novo delegado da Polícia Civil, Sr. Dr. Juliano Lago.

📱Participe do Canal Portal Onda Sul no WhatsApp

Em um vídeo enviado para a imprensa, o prefeitura anuncia a chegada do novo delegado que atuará na ordem e segurança pública de Conceição da Aparecida e Carmo do Rio Claro.

Por decisão do delegado, ele atuará diretamente de Conceição da Aparecida, mas a delegacia de Polícia Civil de Carmo do Rio Claro continuará operando na cidade. Ainda segundo o Dr. Juliano Lago, ele optou por despachar em Conceição da Aparecida, porque Carmo do Rio Claro não tem condições mínimas de funcionamento. Confira a nota enviada ao Portal Onda Sul, pela imprensa da PC.

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), no desempenho de sua missão estratégica, qual seja, realizar a investigação criminal de forma eficiente e eficaz, impactando na redução da criminalidade, nos próximos meses, estará ampliando os serviços de polícia judiciária em Conceição de Aparecida, sem contudo, interromper os trabalhos realizados em Carmo do Rio Claro.

Novo delegado

Natural da cidade de Machado (MG), Juliano chega com a missão de trazer uma nova dinâmica para a segurança pública não apenas em Carmo do Rio Claro, mas para Conceição da Aparecida.

Sua abordagem é enraizada na proximidade com a comunidade, na transparência e na colaboração entre a polícia e os cidadãos.

“Minha visão é construir pontes entre a polícia e a comunidade”, explicou o delegado com convicção. “Precisamos trabalhar juntos para enfrentar os desafios que enfrentamos, seja na prevenção do crime, no combate à violência doméstica ou na proteção dos vulneráveis.”

Entre as estratégias mencionadas pelo delegado Juliano estão a intensificação das patrulhas comunitárias, o fortalecimento das parcerias com outras agências de segurança e o estabelecimento de canais de comunicação direta com os moradores. Ele enfatizou a importância de ouvir as preocupações da população e agir de forma proativa para enfrentar as questões que mais afetam suas vidas diárias.

×