Search
Close this search box.

Violento assalto em zona rural resulta em homicídio e roubo de R$ 13.000,00

0
COMPARTILHAMENTOS
2.8k
VISUALIZAÇÕES

Neste domingo (30), durante a realização de ações preventivas no distrito da Petúnia, a polícia foi acionada via 190 para comparecer ao bairro Divisa, na zona rural. No local, a senhora J. O.S relatou que estava em casa com sua família quando ouviu alguém chamando por seu marido, A. R. D. Ele saiu para atender e, após alguns segundos, houve uma rápida discussão seguida de três disparos de arma de fogo. Ao caminhar em direção à porta, ela foi surpreendida por três indivíduos armados, todos com os rostos cobertos.

📱Participe do Canal Portal Onda Sul no WhatsApp

Os criminosos, dois magros e um forte, invadiram a residência. Um dos magros tinha pele branca queimada pelo sol e um bigode descolorido. Eles portavam armas de fogo, incluindo um revólver pequeno, um grande e uma pistola, exigindo que a mulher abrisse o cofre e entregasse o dinheiro. Sob forte nervosismo, a moradora teve dificuldades em lembrar a senha, e os agressores passaram a agredir seu filho, G. H. S. D, de 12 anos, e ameaçar de morte sua filha V. D. S, de 17 anos.

Após finalmente abrir o cofre, os assaltantes levaram aproximadamente R$ 13.000,00 em dinheiro. Também roubaram uma quantia sobre o guarda-roupas e um revólver calibre .22 , que não tinha registro. Os criminosos fugiram em duas motocicletas “velhas e barulhentas” em direção ao bairro Córrego do Cavalo e Conceição da Aparecida.

o morador foi encontrado por sua esposa caído em frente ao portão da residência, sangrando significativamente. Ele foi socorrido por vizinhos até o Hospital Santa Rita, onde foi constatado o óbito. As vítimas, ainda em choque, tiveram dificuldades em fornecer mais detalhes sobre os criminosos. Uma das filhas, P. F. D.S, de 9 anos, se escondeu durante o ataque e ouviu seu pai dizer “Não acredito que é você” para um dos assaltantes, sugerindo que o produtor conhecia pelo menos um dos autores.

A irmã da vítima, mencionou que há cerca de quatro anos ele descobriu uma traição de sua esposa com um homem, residente nas proximidades do bairro Divisa. Testemunhas relataram que a vítima possuía um pequeno comércio e fazia agiotagem, o que pode ter sido um dos motivos do crime.

Câmeras próximas registraram duas motocicletas se deslocando em direção à casa assaltada por volta das 19h10 e 19h35, retornando em alta velocidade às 19h50. Durante a fuga, um celular  foi encontrado às margens da estrada. A perícia técnica esteve no local e recolheu objetos deixados pelos criminosos, incluindo um boné e uma chave de motocicleta. Munições calibre .22  foram encontradas no cofre.

A polícia intensificou o rastreamento nos bairros rurais próximos, mas até o momento, os autores não foram localizados. As viaturas continuam nas buscas.

Fonte: PMMG

Receba as notícias através do grupo oficial do jornalismo da Onda Sul no seu WhatsApp. Não se preocupe, somente nossos administradores poderão fazer publicações, evitando assim conteúdos impróprios e inadequados. Clique no link –> https://chat.whatsapp.com/G42MsF9LiiPILoe68hzHB4

 

×