Search
Close this search box.

Profissionais da enfermagem ameaçam parar atividades no dia 10 de março se lei do Piso Salarial não for cumprida

0
COMPARTILHAMENTOS
329
VISUALIZAÇÕES

Fórum Nacional da Enfermagem decretou, nesta última segunda-feira (30), que a enfermagem iniciará uma greve a partir de 10 de março, caso o reajuste ainda não esteja no contracheque da categoria.

Além disso, a entidade vai convocar uma paralisação nacional no dia 14 de fevereiro, a fim de pressionar as autoridades para implementação acelerada do piso salarial da enfermagem.

Os profissionais beneficiados pela lei do piso salarial da enfermagem são, além dos enfermeiros, técnicos, auxiliares e parteiras.

Por conta da não-construção da minuta da medida provisória que busca viabilizar o piso salarial da enfermagem no Congresso, mais um entrave foi colocado no processo de aplicação do reajuste.

Como resposta para o atraso na implementação dopiso salarial da enfermagem, a coordenadora do Fórum Nacional da Enfermagem, Líbia Bellusci, afirmou que a classe pode precisar entrar em greve.

“E se até o dia 10 de março, não tiver tudo resolvido para opiso salarial digno chegar no contracheque da enfermagem brasileira, a enfermagem vai parar“, garantiu Bellusci.

 

Fonte: UOL 

×